segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Pedido de CPI dos cargos comissionados foi derrotado pelos governistas.

Com a justifica de que não houve denuncia consistente que justificasse a CPI, o jurídico da câmara deu parecer negativo. Mesmo assim o projeto foi colocado em votação e foi derrotado.
“De acordo com o documento enviado pelo Procurador Geral da Câmara, não existia um fato determinado, concretamente, que validasse a solicitação. “Não houve uma denúncia consistente que justificasse a abertura de uma CPI”. E apesar do parecer negativo do Procurador, o presidente Ricardo Valois colocou o requerimento novamente em votação no plenário e o mesmo foi reprovado pela maioria dos vereadores.
Comentário: A manobra do governo e da presidência da Câmara deu certo. Está história de pedir parecer jurídico foi uma jogada de mestre do Presidente da Câmara, nunca vi está de pedir parecer jurídica para pedido de CPI, foi esdrúxula, mais inteligente. Na época o governo seria derrotado e haveria a CPI, no entanto, para ganhar tempo e derrotar o pedido de CPI, o governo rearmou a base e derrotou o Rolo Compressor.

Um comentário:

  1. ESSE ROLO NUNCA OUVE OQUE OUVE FOI INTERESSE PRÓPRIO DESSA TURMA

    ResponderExcluir

Um 2012 repleto de realizações